Arwen Releituras

Eu li a poética clássica faz um longo tempo, quando era calouro na UFG. Hoje parece que foi na pré história da minha vida. Por alguns motivos acabem me vendo na posição de reler.

Tantos anos depois ainda há um grande prazer em pegar o texto. Agora não é mais o prazer da descoberta dos conceitos, do conhecer os filósofos que antes me eram distantes. Agora é o prazer nostálgico de redescobrir as bases que me fizerem desejar mais ardentemente escrever textos e criar personagens. O prazer voluptuoso de ver com outros olhos o texto e a mim mesma.

Algumas releituras tem esse poder magico de descristalizar conceitos e nos fazer repensar nossa própria filosofia.

Acredito que de tempos em tempos devamos revisitar nossas bases. Reler os textos que foram alicerces da nossa formação para não corrermos o risco de nos tornarmos criaturas enrijecidas em nossas próprias idéias. Não há…

Ver o post original 528 mais palavras

Anúncios