Às vezes me pergunto se há saída para esse nosso presente em que vida, amor ao próximo, respeito e honestidade parecem falires fictícios em uma realidade que precisa desesperadamente de pelo menos um pouco deles.

Anúncios